Somos uma empresa altamente especializada, preparada e apta, onde estamos no mercado desde 2000, atuando na confecção de Projetos de Pesquisa, Monografias Prontas, TCC Pronto, Dissertação de Mestrado, Tese de Doutorado, Trabalhos Prontos, Trabalhos Acadêmicos, Escolares, Artigos Científicos, Papers, Apresentação em Power Point (PPT) e Outros. A apresentação final de cada monografia deve seguir um modelo de formatação ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e todos os nossos trabalhos são entregue pronto para o aluno realizar a apresentação, pois já enviamos o trabalho formatado de acordo com as normas da ABNT. Temos o maior catálogo de Monografias Prontas, TCC Pronto e Trabalhos Acadêmicos à pronta entrega, onde disponiblizamos através de uma seção exclusiva com os mais diversos temas de Monografias Prontas. Realizamos um trabalho onde visamos que o aluno realize uma reflexão sobre o TCC Pronto, para que deste modo venha a compreender a importância da monografia realizada, pois, os trabalhos de conclusão de curso (TCC) de graduação, monografias de pós-graduação, dissertação de mestrado e tese de doutorado, possuem um modo de estrutura, escrita e elaboração parecido, alterando apenas os níveis de complexidades de cada trabalho. Oferecemos também um trabalho personalizado, onde, realizamos a orientação acadêmica, ou seja, seremos o seu orientador acadêmico, o aluno desenvolve o seu próprio trabalho sob a nossa supervisão, a orientação acadêmica iremos auxiliar no levantamento bibliográfico, apontar correções e melhorias a serem realizadas no trabalho pelo aluno, correções ortográficas, formatação ABNT e auxilio no desenvolvimento do power point (PPT) para apresentação da monografia.

LiveZilla Live Chat Software


Atividade Acadêmica (Monografias) Podem Abrir a Porta Para o Primeiro Estágio

FONTE: TEMPESTADE


"Não tenho um histórico profissional. Como posso entrar no mercado de trabalho se a experiência é requesitada?".

Essa é uma dúvida comum à maioria dos estudantes universitários, que ainda não entraram no mercado de trabalho.

A resposta à pergunta é uma só: "Passe a se envolver de maneira efetiva com as atividades acadêmicas", aconselha Tânia Izzo, supervisora de projeto em recrutamento e seleção da Pró RH.

As entrevistas para estágio ou emprego geralmente são realizadas tendo como base os históricos profissionais dos candidatos.

Porém, em algumas situações como, por exemplo, o preenchimento de uma vaga para a qual experiências anteriores não são necessárias, os recrutadores costumam tomar como base o histórico escolar ou, em outras palavras, a vivência universitária do candidato.

De acordo com Tânia, algumas empresas buscam pessoas sem experiência profissional, pois assim podem moldar e desenvolver as habilidades e o talento do jovem profissional de maneira que se adaptem à realidade e aos objetivos da corporação.

As seleções para esse tipo de vaga costumam levar em consideração o histórico escolar. Ao realizar atividades relacionadas ao mundo universitário, como integrar um centro acadêmico, uma empresa júnior, um diretório acadêmico, ou participar de evento estudantis, o jovem pode adquirir habilidades que são esperadas e apreciadas por empresas, que podem vir a contratá-lo, mesmo não tendo um histórico profissional de primeira.

"O que se pede ao jovem é cultura e conhecimentos atuais, e isso é possível se ele se envolver com a faculdade", argumenta Tânia. Isso não quer dizer que o estudante tenha que ter as melhores notas da turma, mesmo porque, segundo Tânia, "O que se procura não é um expert que estuda e decora para prova, mas uma pessoa que possa compreender e associar com o momento atual aquilo que é visto em sala de aula".

O envolvimento com essas atividades acadêmicas mostra o quanto o estudante é capaz de se comprometer com determinados objetivos, e o comprometimento é muito importante, no ponto de vista das empresas.

A busca dessas atividades, de cursos extra-classes, de matérias eletivas ou optativas, caracteriza o jovem como um possuidor de iniciativa, proatividade e de auto-desenvolvimento.

"A atitude do estudante, ao mostrar que busca algo além daquilo que lhe é proposto, é muito valorizada durante uma seleção", conta Tânia. Os recrutadores costumam adquirir as informações referentes ao histórico escolar do candidato de maneira indireta, geralmente através das apresentações, perguntas e dinâmicas.

Por isso é muito importante que o jovem destaque durante a entrevista todas aquelas atividades com as quais se envolveu, por mais que elas possam parecer irrelevantes. "O candidato tem que valorizar, mas não deve aumentar", sugere.

© 2010 - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por WebSeo